REFORMAS PRECISAM DOS CONGRESSISTAS

OPINIÃO NO PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA, NA TV METROPOLITANO, EDIÇÃO DE 7-12-2017

OLHA, CÁ PRA NÓS, E O RESTO DO MUNDO, VALE A PENA REGISTRAR QUE O BANCO CENTRAL DO BRASIL, ATRAVÉS DO COMPOM, BAIXOU MAIS UMA VEZ A TAXA SELIC, DEIXANDO-A EM 7,0%, O MESMO PATAMAR EM QUE ESTAVA DEZOITO ANOS ATRÁS, EM 1999. ESSA É UMA DAS FORMAS QUE O GOVERNO TEM PARA MELHORAR A ECONOMIA E FORÇAR O SETOR PRIVADO, LEIA-SE BANCOS E FINANCEIRAS, A BAIXAREM TAMBÉM OS SEUS JUROS PARA O CRÉDITO DIRETO AO CONSUMIDOR E ASSIM FAZER A ECONOMIA GIRAR MAIS RÁPIDO. MAS SOMENTE REDUZIR A TAXA SELIC, NÃO ESTÁ SENDO SUFICIENTE, PORQUE O MERCADO, COMO DIZEM ALGUNS ESPECIALISTAS, AINDA TEM RECEIO DE QUE AS REFORMAS NÃO AVANCEM NO BRASIL. PARA A ECONOMIA DO PAÍS CAMINHAR SEM MEDOS, SÃO NECESSÁRIAS VÁRIAS REFORMAS, COMO POR EXEMPLO A DA PREVIDÊNCIA, A FISCAL E A POLÍTICA. O GOVERNO DO PRESIDENTE MICHEL TEMER ESTÁ FAZENDO A SUA PARTE. O CONGRESSO NACIONAL, LEIA-SE SENADORES E DEPUTADOS FEDERAIS, AINDA NÃO. ENQUANTO ESSAS REFORMAS NÃO SAEM DO PAPEL E DO CAMPO DAS INTENÇÕES, O MERCADO FICA RETICENTE E PREFERE JOGAR OS SEUS INVESTIMENTOS EM OUTROS PAÍSES, QUE TEM UM AMBIENTE DE NEGÓCIOS MAIS SEGURO. PASSOU O TEMPO EM QUE O INVESTIDOR JOGAVA DINHEIRO EM AVENTURAS. NINGUÉM FAZ MAIS ISSO. E PARA O BRASIL RECUPERAR PLENAMENTE A SUA FORÇA ECONÔMICA, O SEU POTENCIAL DE CONSUMO, ATRAINDO MAIS INVESTIMENTOS, AS MUDANÇAS SÃO NECESSÁRIAS. CASO CONTRÁRIO, O ATRASO SERÁ AINDA MAIOR EM RELAÇÃO A OUTROS PAÍSES, CUJAS ECONOMIAS ESTÃO COM UMA LEGISLAÇÃO MAIS ADEQUADA AO CRESCIMENTO NESTE MOMENTO. É ESSA A MINHA OPINIÃO! É POR AÍ!…

ASSISTA O PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA – TV METROPOLITANO, DE SEGUNDA À SEXTA, DAS 7H30 ÀS 8H30, NO CANAL DIGITAL 23.1, DE NATAL PARA A TODA REGIÃO METROPOLITANA E MUNICÍPIOS DAS REGIÕES AGRESTE, POTENGI E MATO GRANDE. NO CANAL 25, DE MOSSORÓ E DE PAU DOS FERROS PARA A REGIÃO OESTE.
NO FACEBOOK, A QUALQER MOMENTO, VOCÊ ASSISTE O PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA, NA LIVE PUBLICADA NAS PÁGINAS CASCIANO JOSÉ VIDAL E TV METROPOLITANO.

REFORMAS PRECISAM DOS CONGRESSISTAS

OPINIÃO NO PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA, NA TV METROPOLITANO, EDIÇÃO DE 7-12-2017

OLHA, CÁ PRA NÓS, E O RESTO DO MUNDO, VALE A PENA REGISTRAR QUE O BANCO CENTRAL DO BRASIL, ATRAVÉS DO COMPOM, BAIXOU MAIS UMA VEZ A TAXA SELIC, DEIXANDO-A EM 7,0%, O MESMO PATAMAR EM QUE ESTAVA DEZOITO ANOS ATRÁS, EM 1999. ESSA É UMA DAS FORMAS QUE O GOVERNO TEM PARA MELHORAR A ECONOMIA E FORÇAR O SETOR PRIVADO, LEIA-SE BANCOS E FINANCEIRAS, A BAIXAREM TAMBÉM OS SEUS JUROS PARA O CRÉDITO DIRETO AO CONSUMIDOR E ASSIM FAZER A ECONOMIA GIRAR MAIS RÁPIDO. MAS SOMENTE REDUZIR A TAXA SELIC, NÃO ESTÁ SENDO SUFICIENTE, PORQUE O MERCADO, COMO DIZEM ALGUNS ESPECIALISTAS, AINDA TEM RECEIO DE QUE AS REFORMAS NÃO AVANCEM NO BRASIL. PARA A ECONOMIA DO PAÍS CAMINHAR SEM MEDOS, SÃO NECESSÁRIAS VÁRIAS REFORMAS, COMO POR EXEMPLO A DA PREVIDÊNCIA, A FISCAL E A POLÍTICA. O GOVERNO DO PRESIDENTE MICHEL TEMER ESTÁ FAZENDO A SUA PARTE. O CONGRESSO NACIONAL, LEIA-SE SENADORES E DEPUTADOS FEDERAIS, AINDA NÃO. ENQUANTO ESSAS REFORMAS NÃO SAEM DO PAPEL E DO CAMPO DAS INTENÇÕES, O MERCADO FICA RETICENTE E PREFERE JOGAR OS SEUS INVESTIMENTOS EM OUTROS PAÍSES, QUE TEM UM AMBIENTE DE NEGÓCIOS MAIS SEGURO. PASSOU O TEMPO EM QUE O INVESTIDOR JOGAVA DINHEIRO EM AVENTURAS. NINGUÉM FAZ MAIS ISSO. E PARA O BRASIL RECUPERAR PLENAMENTE A SUA FORÇA ECONÔMICA, O SEU POTENCIAL DE CONSUMO, ATRAINDO MAIS INVESTIMENTOS, AS MUDANÇAS SÃO NECESSÁRIAS. CASO CONTRÁRIO, O ATRASO SERÁ AINDA MAIOR EM RELAÇÃO A OUTROS PAÍSES, CUJAS ECONOMIAS ESTÃO COM UMA LEGISLAÇÃO MAIS ADEQUADA AO CRESCIMENTO NESTE MOMENTO. É ESSA A MINHA OPINIÃO! É POR AÍ!…

ASSISTA O PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA – TV METROPOLITANO, DE SEGUNDA À SEXTA, DAS 7H30 ÀS 8H30, NO CANAL DIGITAL 23.1, DE NATAL PARA A TODA REGIÃO METROPOLITANA E MUNICÍPIOS DAS REGIÕES AGRESTE, POTENGI E MATO GRANDE. NO CANAL 25, DE MOSSORÓ E DE PAU DOS FERROS PARA A REGIÃO OESTE.
NO FACEBOOK, A QUALQER MOMENTO, VOCÊ ASSISTE O PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA, NA LIVE PUBLICADA NAS PÁGINAS CASCIANO JOSÉ VIDAL E TV METROPOLITANO.

DEFENDO A GOVERNABILIDADE DO PAÍS

OPINIÃO NO PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA, NA TV METROPOLITANO, EDIÇÃO DE 30-11-2017

OLHA, CÁ PRA NÓS, E O RESTO DO MUNDO, ONTEM COMENTEI AQUI SOBRE A COMPETÊNCIA, NA MINHA AVALIAÇÃO, DA PROPAGANDA PARTIDÁRIA DO PMDB, QUE TROUXE À BAILA ALGUNS NÚMEROS DA ECONOMIA E DA EMPREGABILIDADE NO PAÍS. ELOGIEI O QUE O GOVERNO ATUAL, DO PRESIDENTE MICHEL TEMER ESTÁ FAZENDO E QUE ESTÁ DANDO CERTO. MUITOS AMIGOS MEUS MOSTRARAM-SE INDIGNADOS, POR ACREDITAR QUE EU ESTAVA SIMPLESMENTE DEFENDENDO O GOVERNO TEMER. A ESTES ESCLAREÇO, POR ABSOLUTO RESPEITO QUE TENHO POR ELES: NÃO ESTOU DEFENDENDO O GOVERNO TEMER. ESTOU DEFENDENDO A GOVERNABILIDADE DO BRASIL. E PARA A GOVERNABILIDADE DO PAÍS, HOJE, O MELHOR NOME, POR ELE PRÓPRIO E PELAS CONDIÇÕES POLÍTICAS ATUAIS DO PAÍS, É O MELHOR NOME PARA OCUPAR O CARGO QUE ESTÁ OCUPANDO. O FORA TEMER PERDEU FORÇA E SERIA UM ABSURDO ENTREGAR O PAÍS AO PRESIDENTE DA CÂMARA, POR EXEMPLO, O DEPUTADO RODRIGO MAIA. OU A PRESIDENTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL, A MINISTRA CÁRMEM LÚCIA. HOJE, TEMER É O CARA. É COM ELE QUE O PAÍS TEM QUE SE APEGAR PORQUE ELE TEM A CORAGEM NECESSÁRIA PARA FAZER E CONDUZIR AS MUDANÇAS QUE O PAÍS PRECISA, PARA MODERNIZAR A SUA ECONOMIA E CONTINUAR COMPETETIVO NO AMBIENTE MUNDIAL DE NEGÓCIOS. TAMBÉM TEM A CORAGEM DE PROVOCAR CHOQUES NA GESTÃO DO PAÍS, FAZENDO AS MUDANÇAS QUE SÃO NECESSÁRIAS PARA QUE SIGAMOS EM FRENTE, EVOLUINDO. PODE TIRAR SUAS CONCLUSÕES! PODE PENSAR O QUE VOCÊ QUISER, MAS NA MINHA OPINIÃO, HOJE, O BRASIL ESTÁ PRECISANDO MUITO MAIS DO PRESIDENTE TEMER, DO QUE O PRESIDENTE TEMER ESTÁ PRECISANDO DO CARGO DE PRESIDENTE DO BRASIL. VOCÊ PODE ATÉ PENSAR DIFERENTE, MAS ESTA É A MINHA OPINIÃO! É POR AÍ!…

ASSISTA O PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA – TV METROPOLITANO, DE SEGUNDA À SEXTA, DAS 7H30 ÀS 8H30, NO CANAL DIGITAL 23.1, DE NATAL PARA A TODA REGIÃO METROPOLITANA E MUNICÍPIOS DAS REGIÕES AGRESTE, POTENGI E MATO GRANDE. NO CANAL 25, DE MOSSORÓ E DE PAU DOS FERROS PARA A REGIÃO OESTE.
NO FACEBOOK, A QUALQER MOMENTO, VOCÊ ASSISTE O PROGRAMA PRIMEIRA PÁGINA, NA LIVE PUBLICADA NAS PÁGINAS CASCIANO JOSÉ VIDAL E TV METROPOLITANO.

TEMER RENUNCIA OU ADOTA MEDIDAS PARA AJUDAR O BRASIL A SAIR DA CRISE

Em dezembro de 2015, há um ano, comentava que a renúncia de Dilma e uma série de medidas que poderiam ser implantadas por ela, seriam importantes para ajudar o Brasil a sair da crise.

Dilma não renunciou. Respondeu ao impeachment e foi afastada da Presidência da República.

Em maio deste ano, publiquei que as mesmas medidas poderiam ser adotadas pelo presidente Michel Temer, com o mesmo intuito.

images * Foto: Internet.

Temer também não renunciou, mas ainda está em tempo dele ficar na história do país com registros de respeito e admiração.

Do contrário, vai ficar na mesma área onde já estão Collor, Lula e Dilma.

O povo brasileiro quer mudanças e está afirmando isso, com todas as letras, em todas as ocasiões e os políticos não querem entender. Certamente ainda não acreditam que o povo pode se rebelar e realizar as mudanças na força.

Lamentável!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

 

PRA SEU GOVERNO, O BRASIL CONTINUA MUDANDO

 

renan-cunha-juca-sarney

* Crédito da Foto: Post24hs.

As investigações da LavaJato, com as muitas prisões já realizadas até agora, inclusive, repito, a de Marcelo Odebretch, o maior empreiteiro do país, somando-se agora os pedidos de prisão do deputado Eduardo Cunha e dos senadores Romero Jucá, Renan Calheiros (presidente do Senado) e José Sarney, ex-presidente da República, feitos pela Procuradoria Geral da República, ao STF, ainda são apenas o princípio da imensa mudança que está começando a acontecer no Brasil.

Não tem volta, apesar da democracia que está, ainda, engatinhando no país, permitir o esperneio do que não desejam as mudanças.

No meio desse imenso rolo, é preciso acabar com o foro privilegiado, que tem gerado uma irresponsável impunidade para os malfeitores encastelados no serviço público brasileiro.

No Brasil, se aprende a fazer democracia, praticando-a. Como a criança que aprende a andar caminhando. É como alguém trocar os pneus de um carro em movimento.

Parar este aprendizado, seria um retrocesso.

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

MANIFESTAÇÕES DA INSATISFAÇÃO

O povo brasileiro está nas ruas.

As manifestações populares de protesto havia vários dias, já ocupavam as ruas em diversas cidades do país, por motivos diversos.

Gritam palavras de ordem que clamam por mais justiça, querem mais serviços de saúde, mais atenção à educação. Desejam transporte público com mais qualidade e menor preço nas passagens. Se indignam com os investimentos equivocados do Estado em obras faraônicas para uma Copa de futebol, enquanto seus cidadãos morrem em acidentes de estradas e ruas mal conservadas, esburacadas. Protestam contra o abuso dos privilégios das autoridades, que escorcham o povo com uma das maiores cargas de impostos do mundo para garantir gordas remunerações aos que estão no Poder.

Eles, os que estão nas ruas, não são militantes partidários, nem miseráveis sem comida, muito menos sem teto, sem terra ou sem noção.

Muito antes pelo contrátrio: são jovens com bom nível de escolaridade, associados a artistas, profissionais liberais e empresários, que parecem, de maneira geral, protestar pela ineficiência do Estado e a má aplicacão dos recursos públicos.

Inicialmente as autoridades públicas, federais, estaduais e municipais, reagiram fortemente com o aparato policial do Estado contra o povo, como se vivessemos num Estado Totalitário.

Mas, como vivemos numa democracia, a situação foi repensada e o poder de polícia do Estado começa a ser retirado de cena, até porque ele só cabe aí para garantir a livre manifestação dos que protestam.

Onde a polícia continuar batendo no cidadão livre, a situação vai recrudescer, como aconteceu em São Paulo.

O protesto em manifestações públicas é próprio da democracia.

O povo vai às ruas manifestar a insatisfação contra o gerenciamento equivocado do Estado.

A Nação está em campo aberto, clamando por mudanças, manifestando sua insatisfação com o que acontece nas estruturas de Governo (federal / estadual / municipal), e em seus Poderes Constitucionais (executivo / legislativo / judiciário).

O clamor popular parece cansado dos dircursos dos políticos, cheios de promessas vãs, argumentos sofistas e êngodos matafóricos.

É a manifestação da maioria abafando o discurso, às vezes radical, das minorias.

É por aí!…

 

ANO NOVO, VIDA NOVA – DESEJOS, EXPECTATIVAS E REALIDADE

Começa o ano 2013 e todas as pessoas continuam aproveitando o momento do Ano Novo para renovar os desejos mais sinceros de uma vida melhor, com mais saúde, mais harmonia, mais prosperidade, vitórias, conquistas, paz, amor, sucesso e muitas felicidades.

Todo mundo anseia por mudanças e a mudança de ano é o momento em que o clima do reinício, da recontagem do tempo, propicia o ambiente que aflora o desejo de mudanças.

Um ano está vencido, passou. Outro ano começa e o tempo não para. A vida continua…

Como consequência do desejo, também chegam a expectativa e a esperança da sua realização.

Queremos, todos nós, que o próximo seja feliz, mas antes esperamos a nossa própria felicidade.

E todos esperamos mudanças positivas em nossas vidas. Queremos ser melhores e queremos ter mais.

Mas, não basta apenas desejar. É preciso agir.

A vida melhor, com mais saúde, mais harmonia, mais prosperidade, vitórias, conquistas, paz, amor, sucesso e muitas felicidades, que todos nós desejamos, vai chegar antes para quem começar a trabalhar mais cedo.

E o caminho mais rápido e fácil para se conseguir o que se deseja, é colocar no papel quais são os objetivos definidos, as metas a serem alcançadas e os prazos para que as coisas aconteçam.

É um pequeno ensaio de planejamento, porque sem planejamento, nada acontece na sua vida. Ou melhor: Na sua vida, vai acontecer o que os outros planejam.

É maravilhoso viver no mundo dos desejos, das expectativas, dos sonhos, mas, quanto maior é o sonho, maior também é o risco de uma imensa frustração.

Então, vamos sim, desejar mais saúde, mais harmonia, mais prosperidade, vitórias, conquistas, paz, amor, sucesso e muitas felicidades…

Mas vamos também trabalhar para que isso aconteça.

Trabalhar em família, com os amigos e também junto aos colegas de ofício, nas empresas, no ambiente corporativo.

E que cada um faça a sua parte, para que todos nós conquistemos um mundo melhor, uma vida melhor, cheia de realizações pessoais e profissionais.

Sejamos otimistas, apesar de tudo.

É por aí!…