FLÁVIO BRAILE TURQUINO – BRASILEIRO HONESTO QUE REJEITOU A CORRUPÇÃO

Flávio Braile Turquino. * Foto – Internet – Livre

Anote este nome: Flávio Braile Turquino.

Até agora, ele é o único homem que resistiu e não aceitou os benefícios que a corrupção pode propiciar, como o dinheiro e o poder.

Flávio foi Diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal, no Ministério da Agricultura, na época do governo Dilma Rousseff.

Nomeado pela então ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffman, senadora pelo PT, no dia 22 de agosto de 2013, acabou exonerado, a pedido, em 24 de setembro do mesmo ano. Ficou no cargo 1 mês e 2 dias.

Flávio é considerado um homem honesto, porque rejeitou participar de um esquema, ou “mecanismo”, como bem definiu José Padilha. Flávio preferiu pedir demissão do cargo que ocupava, a ceder as pressões do deputado Eduardo Cunha e de Lúcio Funaro, para atender pleitos que beneficiariam Joesley Batista, um dos sócios da JBS/Friboi.

Detalhes dessa história, foram conhecidos com o depoimento de Alexandre Margotto, delator, nas oitivas da Operação Lava Jato.

Flávio é diretor da Campo Verde Trading BV, com sede em Amsterdam, especializada em carnes congeladas de alta qualidade (frango, porco e boi), produtos agrícolas e metais — não ferrosos, distribuídos em todo o mundo.

Flávio é brasileiro e acredita que vale a pena ser honesto!

Isso é bom para o Brasil!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>