FLÁVIO BRAILE TURQUINO – BRASILEIRO HONESTO QUE REJEITOU A CORRUPÇÃO

Flávio Braile Turquino. * Foto – Internet – Livre

Anote este nome: Flávio Braile Turquino.

Até agora, ele é o único homem que resistiu e não aceitou os benefícios que a corrupção pode propiciar, como o dinheiro e o poder.

Flávio foi Diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal, no Ministério da Agricultura, na época do governo Dilma Rousseff.

Nomeado pela então ministra da Casa Civil, Gleisi Hoffman, senadora pelo PT, no dia 22 de agosto de 2013, acabou exonerado, a pedido, em 24 de setembro do mesmo ano. Ficou no cargo 1 mês e 2 dias.

Flávio é considerado um homem honesto, porque rejeitou participar de um esquema, ou “mecanismo”, como bem definiu José Padilha. Flávio preferiu pedir demissão do cargo que ocupava, a ceder as pressões do deputado Eduardo Cunha e de Lúcio Funaro, para atender pleitos que beneficiariam Joesley Batista, um dos sócios da JBS/Friboi.

Detalhes dessa história, foram conhecidos com o depoimento de Alexandre Margotto, delator, nas oitivas da Operação Lava Jato.

Flávio é diretor da Campo Verde Trading BV, com sede em Amsterdam, especializada em carnes congeladas de alta qualidade (frango, porco e boi), produtos agrícolas e metais — não ferrosos, distribuídos em todo o mundo.

Flávio é brasileiro e acredita que vale a pena ser honesto!

Isso é bom para o Brasil!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

TEMER QUER CRIMINALISTA CRÍTICO DA OPERAÇÃO LAVA JATO NO CARGO DE MINISTRO DA JUSTIÇA

 Antonio Cláudio Mariz de Oliveira. * Foto – Internet – Jovem Pan – Uol

Até agora o principal candidato do presidente Michel Temer para ocupar o principal cargo do Ministério da Justiça, é um criminalista crítico da Operação Lava Jato.

O advogado Antônio Claudio Mariz de Oliveira, que atua há mais de 50 anos como advogado criminalista, é o candidato ‘do peito’, do presidente Temer para o lugar de Alexandre de Moraes, que está licenciado do cargo, após ser indicado a uma cadeira no Supremo Tribunal Federal (STF).

Isso não é bom para o Brasil!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

JUSTIÇA SUSPENDE NOMEAÇÃO E POSSE DE MOREIRA FRANCO NO MINISTÉRIO DE TEMER

Temer quer Moreira Franco. * Foto – Internet – Correio Braziliense – Beto Barata PR

Se depender da justiça, Wellington Moreira Franco, sogro do deputado Rodrigo Maia, presidente da Câmara Federal, não será ministro no governo Temer.

Decisão liminar do juiz Eduardo Rocha Penteado, da Justiça Federal do Distrito Federal, determinou a suspensão da nomeação dele para o cargo de ministro da Secretaria-Geral da Presidência.

Decisão final sobre o caso será do plenário do Supremo Tribunal Federal – STF.

Isso é bom para o Brasil!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

TEMER APRESENTA O TUCANO ALEXANDRE DE MORAES PARA MINISTRO DO STF

 Alexandre de Moraes, aliado de Alkmin é o nome de Temer para o STF. * Foto – Internet – GGN.

A semana política começa em Brasília, neste final de segunda-feira, com a apresentação, pelo presidente Michel Temer, do nome do atual ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, para o cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal – STF, na vaga aberta com a morte do ministro Teori Zavascki.

O processo agora vai para o Senado da República, onde a Comissão de Constituição e Justiça analisará se estão atendidos todos os requisitos constitucionais pelo indicado.

Depois Alexandre de Moraes passará por uma sabatina e na sequência o processo vai para o plenário do Senado, onde precisará de maioria simples, obtida com 41 votos.

O presidente Michel Temer agrada um pouco mais ao PSDB, independente das reclamações dos seus correligionários do PMDB.

Alexandre vai se licenciar do ministério da justiça enquanto o processo é concluído.

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

 

BRASÍLIA ESTÁ QUENTE, MAS CLIMA POLÍTICO SÓ VAI ESQUENTAR PRÓXIMA SEMANA

A presidente Cármem Lúcia: a candura do coração e o pulso firme da justiça. * Foto – Internet – O Globo – Jorge William – Agência O Globo.

Está nas mãos da presidente do Supremo Tribuna Federal – STF, ministra Cármem Lúcia, manter o governo brasileiro em harmonia, a partir da próxima semana.

Apesar do calor e da falta de água, só o STF pode “agarrar o touro pelos chifres”, no Brasil de hoje.

Os fatos mais importantes do país, neste momento, estão semi-prontos para sairem do STF.

Marcelo Odebrecht. * Foto – Internet – Pensar Brasil.

O primeiro deles é, inegavelmente, a homologação do Acordo de Leniência do Grupo Odebrecht e a aceitação da Colaboração Premiada dos seus mais de 70 diretores, na Operação Lava Jato.

 Rodrigo Maia. * Foto – Internet – O Globo.

O segundo será analisar e julgar, a participação do deputado federal Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara dos Deputados, no seu processo sucessório, como candidato à reeleição e como presidente da Casa e do processo eleitoral.

Autoridade máxima do Poder Judiciário no país, Cármem Lúcia é uma mulher de fibra forte e vaio contribuir para manter governantes e povo em equilíbrio.

Renan Calheiros. * Foto – Internet – Marcos Oliveira – Agência Senado.

O Poder Legislativo vai mudar os presidentes das duas Câmaras: a Alta, o Senado da República, e a Baixa, a Câmara dos Deputados (ou Câmara Federal). As eleições acontecerão na quarta-feira, dia primeiro de fevereiro, no Senado; e na quinta-feira, dia 2 de fevereiro, na Câmara dos Deputados.

Eunício Oliveira. * Foto – Internet – Tribuna do Ceará – Uol.

Renan Calheiros (PMDB-AL) sai da presidência do Senado e o seu partido quer eleger Eunício Oliveira (PMDB-CE) para o cargo.

 José Medeiros. * Foto – Internet – Época.

Mas também tem o senador José Medeiros (PSD-MT), como candidato alternativo, de oposição, tentando convencer os senadores a mudar o comando daquela casa legislativa.

Jovair Arantes. * Foto – Internet – Veja – Abril.com.

Na Câmara dos Deputados, além da insistência de Rodrigo Maia pela sua reeleição, também os deputados Jovair Arantes (PTB-GO) e Rogério Rosso (PSD-DF) almejam a mesma posição.

 Rogério Rosso. * Foto – Internet – Cláudio Araújo – PSD.

O Poder Executivo acompanha, observa e participa, sem brigar, sem tomar partido.

Michel Temer. * Foto – Internet – Correio Braziliense – Orlando Brito – Divulgação.

Não é do estilo do presidente Michel Temer bater de frente com adversários ou inimigos.

É como se ele preferisse cortar caminho para não encontrar confusão e trabalhar os seus objetivos políticos sem enfrentamento.

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

 

TEORI SEPULTADO, FICARAM AS TEORIAS DA CONSPIRAÇÃO NAS MÃOS DE CÁRMEM

 

Cármem Lúcia. * Foto – Internet – TRF4 – Divulgação.

Acaba hoje o luto oficial de 3 dias, pela morte do ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal – STF. Ele era o ministro-relator da Operação Lava Jato, que investiga o escândalo do maior esquema de corrupção e distribuição de propina do planeta em toda história da humanidade.

Nesta segunda-feira, a ministra Cármem Lúcia, presidente do STF, deve anunciar as primeiras providências do Supremo para a substituição do relator.

É a maior batata quente que alguém poderia ter nas mãos nestes dias de conturbação política, social e penitenciária do país.

Há possibilidade legal do substituto ser sorteado entre todos os ministros da mais alta Corte Jurídica do país.

Mas há também, legalmente, a possibilidade da presidente usar as prerrogativas do cargo para dar prosseguimento ao processo, com a aprovação do Acordo de Leniência do Grupo Odebrecht e até a quebra do sigilo do processo.

O problema é muito grave e exige uma solução muito forte.

Teori está sepultado, mas as teorias da conspiração estão aí, baseadas em fatos reais, como o detalhe do avião do acidente estar sendo seguido desde o dia 3 de janeiro, período em que sua ficha técnica ehistórico de vôos foi consultada mais de 1.884 vezes no sistema que controla a atividade aérea no país.

Caso não avoque estas duas decisões para si, usando das prerrogativas do cargo de presidente, Cármem causará grande frustração para a nação brasileira e poderá jogar a opinião pública contra o STF.

Pior: parecerá convenivente com o jogo brutal dos políticos que desejam enterrar a Lava Jato.

Hoje o STF precisa de uma mulher forte!

Que use o instinto materno para defender o país, as instituições e o povo brasileiro.

E que Deus lhe proteja presidente Cármem Lúcia!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

 

RODRIGO MAIA LUTA POR UMA REELEIÇÃO, NO MANDATO QUE NÃO PREVIA REELEIÇÃO

Rodrigo Maia - Luís Macedo - Câmara dos Deputados

Rodrigo Maia quer reeleição não prevista no Regimento Interno. * Foto – Internet – Luís Macedo – Câmara dos Deputados.

Breve, espera-se que muito em breve, o Supremo Tribunal Federal – STF, julgue o mérito do Mandato de Segurança impetrado pelo deputado federal André Figueiredo (PDT/CE), no qual ele alega que o deputado Rodrigo Maia foi eleito para o mandato tampão que se equipara ao regular, sujeitando-se às mesmas condições e restrições, de modo que incide a vedação prevista no artigo 57, parágrafo 4º, da Constituição Federal.

A matéria também é objeto da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5632, onde o partido Solidariedade requer ao Supremo que mantenha a interpretação de acordo com o previsto no Regimento Interno da Câmara relativos às eleições com base no que dispõe o artigo 57 da Constituição da República.

Lá, está escrito que é vedada a recondução de membros da mesa para o mesmo cargo na eleição imediatamente subsequente.

A ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), aguarda resposta da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados as informações solicitadas, para dar andamento ao processo.

André Figueiredo quer proibir que a Mesa Diretora da Câmara legitime a candidatura de Maia ou suspenda provisoriamente a eleição, através de liminar.

Cármem Lúcia - Gabriel Francisco Ceccon Enebelo - JusBrasil

Ministra Cármem Lúcia, presidente do STF. * Foto – Internet – Gabriel Francisco Ceccon Enebelo – JusBrasil.

Enquanto isso, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, segue sua agenda de candidato à reeleição, com visitas e conversas políticas, angariando votos para a sua candidatura.

Até agora, com sucesso!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

DESDE CARANDIRU SISTEMA PENITENCIÁRIO PEDE REFORMA. CÁRMEM LÚCIA VAI FAZER?

Cármem Lúcia - stf.jus.br

Ministra Cármem Lúcia, presidente do STF. * Foto – Internet – stf.jus.br.

Corria o ano de 1992, quando a notícia do assassinato de 111 presos rebelados, no Presídio de Carandiru, em São Paulo, chocou o mundo.

De lá pra cá, as polícias são proibidas pelos governos de combater rebeliões de presos com violência. A ordem é negociar.

Passados 25 anos do episódio de Carandiru, nos primeiros 16 dias deste ano corrente de 2017, o Brasil volta a chocar o mundo com as notícias dos assassinatos de 142 presos.

Agora os presos são os assassinos dos seus colegas…

É a guerra das facções criminosas, segundo autoridades…

Os casos mais graves aconteceram em Manaus, no Amazonas, com 56 mortes, depois 33 morte em Roraima e agora 26 mortes no Rio Grande do Norte. Detalhe: no Rio Grande do Norte os assassinos queimaram dois e decapitaram 24 dos assassinados.

Andressa Anholete - AFP Presos continuam rebelados no RN. * Foto – Internet – Andressa Anholete – AFP.

O Sistema Penitenciário do Brasil está totalmente errado.

No Brasil, a prisão não recupera os detentos. Muito antes pelo contrário: os torna mais brutais.

Seria o caso de intervenção federal no sistema prisional dos estados?

O presidente Michel Temer está com a ideia de criar uma Comissão Permanente de Combate a Crise Penitenciária.

A ministra Cármem Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal – STF, quando assumiu o cargo, fez questão de visitar alguns presídios.

Ela puxou o assunto para a sua responsabilidade.

Por isso está na hora de perguntar:

– Ministra, e agora?!?

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

‘DEDO PODRE’ – FALTA MORALIDADE E MICHEL TEMER NOMEIA FICHA SUJA

1484330980405

Temer nomeia ficha suja. * Foto – Internet – Estadão – reprodução.

O PMDB tem excelentes perfis profissionais, de diversas áreas, mas parece que o presidente Michel Temer (ou quem faz essas escolhas em seu nome) está com o ‘dedo podre’ ao selecionar os principais assessores para o seu gabinete no Palácio do Planalto.

É o que aconteceu com Francisco de Assis Costa Filho, nomeado para o cargo de secretário nacional da Juventude.

Ele é presidente nacional do PMDB Jovem e, além disso, está denunciado por improbidade administrativa na cidade de Pio XII no Maranhão.

O Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão em 10 de agosto de 2016, tornou indisponíveis os bens de Assis Filho.

Alguns anos passados, somente este motivo seria suficiente para o Gabinete Civil da Presidência da República vetar um candidato a cargo de nomeação no Governo Federal.

O mínimo que um governante deveria fazer para nomear alguém para uma função de confiança em seu governo, é exigir que o nomeado seja limpo e que nada conste que possa desabonar o seu nome e o governo.

A ausência deste critério, faz o presidente nomear nomes que sujam a imagem do seu governo.

Compete a ele, e somente a ele, substituir o nome sujo, ou manter o seu governo se enlameando a cada nova nomeação.

Chama (de novo) a Comissão de Ética da Presidência!

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com

DAR CARONA – LEGAL OU IMORAL? CADA CASO É UM CASO. VOCÊ DECIDE!

temer-e-gilmar-CongressoemFoco

O que aproxima Gilmar Mendes e Michel Temer? * Foto – Internet – Congresso em Foco.

Todo chefe de estado viaja com uma comitiva de convidados.

Todos os integrantes da comitiva do chefe de estado, seguem a agenda do chefe de estado nas viagens.

O ministro Gilmar Mendes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral – TSE, estava na comitiva do presidente Miche Temer na sua viagem à Portugal para participar das homenagens fúnebres ao falecido Mário Soares, ex-primeiro ministro naquele país.

Mas ele não foi sequer a primeira visita ao velório.

Parece até, que ele não integrava a comitiva do presidente brasileiro.

Seria uma espécie de ‘convidado especial’ ou teria pegado somente uma ‘carona’ na viagem presidencial.

Também estavam na comitiva, o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, e o ex-presidente José Sarney.

“Um assunto menor”, segundo teria dito à imprensa o próprio ministro Gilmar Mendes, ao justificar sua ausência da agenda presidencial, devido a uma crise de labiritite.

O caso torna-se um assunto maior, porque Gilmar Mendes é a principal autoridade de um tribunal que vai julgar uma ação, na qual o presidente Michel Temer é réu.

O TSE vai julgar a ocorrência de abuso de poder econômico e poder político da chapa Dilma – Temer para conquistar a reeleição. Havendo condenação, Temer sai do cargo e haverá eleição indireta de presidente para um mandato-tampão.

Pior: a nação fica sem saber o teor da conversa dos dois, nas longas horas da travessia do Oceano Atlântico.

Esse é o dilema!

Gilmar não voltou com a comitiva. Preferiu ficar em Portugal.

É por aí!…

Casciano Vidal

PS. Para falar com o autor: cascianovidal@gmail.com